Fisioterapeuta dá dicas para combater a má postura no home office

Os cuidados também devem ser aplicados também para quem está estudando online

Com a necessidade de distanciamento social para conter a propagação do coronavírus, muitas empresas aderiram ao trabalho remoto. Entretanto, a grande questão desta nova modalidade é que a maioria das pessoas não possui estrutura física e ergonômica para se manter sentado em frente ao computador por oito horas diárias, por exemplo.

Passado um ano da pandemia da Covid-19, Tainara Lorranny Costa Sousa, fisioterapeuta do Hospital 5 de Outubro (HCO), unidade gerenciada pela Pró-Saúde, em Canaã dos Carajás (PA), reforçou a importância dos cuidados com a postura.

“A modalidade chama a atenção para o autocuidado físico. O alerta para o home office tem a ver com a má postura, que repercute na qualidade de vida a curto, médio e longo prazo”, alertou a especialista.

A dor na coluna é um mal que afeta milhares de cidadãos em todo o mundo. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 80% das pessoas até 45 anos reclamam deste problema.

Segundo a fisioterapeuta, a má postura pode fadigar os músculos, causando dores nas costas, principalmente na coluna cervical e na região lombar.

“Com o agravamento desse problema podem ocorrer alterações na coluna, como cifose, escoliose e hérnias de disco. É preciso atenção aos detalhes como as condições adequadas para se realizar essas atividades”, finalizou Tainara.

Dicas para melhorar a postura

De acordo com a profissional, os exercícios de alongamento são grandes aliados da prevenção das dores já que compensam o desequilíbrio. Confira outros cuidados:

• Utilize suporte de apoio para notebook ou eleve o monitor para que a cabeça não fique inclinada para baixo. O ideal é manter a tela na altura dos olhos para que a cabeça fique reta e a pessoa não precise forçar a musculatura do pescoço.

• Caso não seja possível utilizar uma cadeira ergonômica em casa, o efeito pode ser reduzido com um travesseiro de espuma para apoiar as costas.

• Faça pausas para ativar a circulação, alongando as pernas, braços e coluna.

• Utilizar um apoio para o antebraço, evitando que ele fique abaixo da altura ideal ou que a pessoa tenha que mantê-lo suspenso, fatores que aumentam o desconforto.

• Evite ficar muito tempo sentado e se levante a cada 45 minutos para se alongar e até realizar algum movimento de fortalecer musculatura.

Hospital 5 de Outubro

Fundado pela mineradora Vale, o Hospital 5 de Outubro possui estrutura de pequeno porte, com capacidade para atender casos de até média complexidade. A unidade é gerenciada pela entidade filantrópica Pró-Saúde, com mais de 50 anos de experiência na gestão de serviços hospitalares, presente em todo o País.

Diante da pandemia, a unidade ampliou o número de leitos, equipamentos e profissionais, reforçando a estrutura de atendimento em uma região remota do país, em meio à floresta amazônica.

Em 2020, o hospital realizou mais de 340 mil atendimentos entre consultas ambulatoriais, exames, internações e cirurgias. Ao longo do ano, também foram realizados 323 partos. A qualidade assistencial obteve reconhecimento dos usuários, que alcançou índice de 91% de satisfação no ano passado.